Erro de design pode ter causado acidente da Genesis

A nave Genesis, da Nasa, que caiu em setembro no deserto de quando seu pára-quedas não abriu na aterrissagem, pode ter tido um defeito em seu desenho, informou um grupo de investigadores. Em função desses erros, os interruptores que deveriam detectar a entrada da nave na atmosfera terrestre ? o que acionaria os pára-quedas ? estavam colocados em local incorreto, disse o presidente da junta de especialistas, Michael G. Ryschkewitsch, nesta sexta-feira. No entanto, ele fez questão de enfatizar que as investigações ainda não foram finalizadas. Os designs supostamente defeituosos foram realizados pela empresa Lockheed Martin Astronautics, que construiu a nave para a Nada. Ainda se investiga a forma como o erro passou despercebido. A missão da Genesis teve um custo de US$ 264 milhões e buscava partículas de vento solar - átomos liberados pelo Sol - como parte de um estudo sobre a composição primitiva do Sistema Solar.

Agencia Estado,

16 de outubro de 2004 | 02h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.