Espécie de tartaruga jurássica é descoberta na Tailândia

Um grupo de cientistas chineses foi convidado por seus colegas tailandeses a estudar o fóssil

EFE,

23 de junho de 2009 | 14h21

Os restos fósseis de uma tartaruga encontrada na Tailândia foram catalogados pelos cientistas como uma nova espécie do período jurássico, com 150 milhões de anos, informa a imprensa local.

 

O exemplar, duas peças de aproximadamente 90 centímetros de largura, foi descoberto em 2005 pelo Departamento de Recursos Minerais do Governo na província de Mukdahan, 450 quilômetros ao noroeste de Bangcoc.

 

Os vestígios fósseis da tartaruga pré-histórica descoberta por autoridades tailandesas. EFE

 

O diretor do Museu Geológico Nacional, Varavudh Suteethorn, indicou que a nova espécie, batizada como Basilochelyes macrobios, viveu durante o tempo dos dinossauros e é o antepassado de algumas das tartarugas do sudeste asiático.

 

Um grupo de cientistas chineses foi convidado por seus colegas tailandeses a estudar o fóssil da tartaruga, cujo nome em grego significa "Longa Vida ao Rei", em memória ao monarca da Tailândia, Bhumibol Adulyadej.

Tudo o que sabemos sobre:
palentologiatailândiafóssil

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.