Estudante ganha concurso nos EUA com projeto contra câncer

Jovem superou 1.600 inscritos com modelo usado na identificação do segundo estágio de câncer de cólon

Associated Press,

12 de março de 2008 | 18h00

A estudante colegial hindu-americana, Shivani Sud, de 17 anos, superou nesta quarta-feira, 12, outros 1.600 participantes no concurso anual Busca Intel de Talentos da Ciência. Ela recebeu US$ 100 mil pelo projeto que é usado na identificação do segundo estágio de câncer de cólon, com alto risco de recorrência.   O projeto também busca identificar remédios mais efetivos para o tratamento dos pacientes com elevado risco de ter tumores recorrentes, o que poderia permitir aos médicos fazerem uma terapia mais intensiva ou tóxica para os casos mais necessários.    "A idéia é que se alguém identificar um câncer, o tumor poderia ser analisado para detectar quais genes específicos tem manifestação anormal, e depois buscar os métodos adequados para a terapia", disse Andrew Yeager, titular da comissão julgadora e professor do Colégio de Medicina da Universidade do Arizona.   A jovem desenvolveu um modelo de 50 genes a partir de informações públicas, incluindo 125 mostras de pacientes e dados clínicos, identificando marcadores que permitem caracterizar vários tipos de tumores. Normalmente, os médicos usam informações visuais, tais como o tamanho, para caracterizar um tumor.   Shivani, estudante do colégio Jordan em Durham, na Carolina do Norte, foi proclamada vencedora no banquete de entrega, em Washington, onde 40 finalistas exibiram seus projetos.   A competição, que já existe há 67 anos, premiou  estudantes que, com o tempo, chegaram a ganhar Prêmios Nobel, Medalhas Nacionais de Ciência, prêmios da Fundação MacArthur e Medalhas Field.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.