EUA licenciam primeira nave espacial privada

O governo americano emitiu nesta quarta-feira a primeira licença para um foguete tripulado suborbital privado, dando um passo na direção da abertura da fronteira espacial a indivíduos particulares. A Administração Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês) deu uma licença de um ano à empresa Scaled Composites, chefiada por Burt Rutan, projetista do avião Voyager, que fez a primeira viagem ao redor do mundo sem escalas da história, em 1986. O veículo licenciado pela FAA é composto por um avião-foguete chamado SpaceShipOne e pelo White Knight (Cavaleiro Branco), um jato projetado para carregar a SpaceShipOne até a altitude de lançamento. O avião-foguete é feito de grafite e epóxi, tem asas curtas e uma cauda dupla vertical. A licença da FAA é um pré-requisito para o X-Prize, uma corrida espacial internacional que dará US$ 10 milhões à primeira entidade privada - pessoa ou empresa - que coloque um veículo tripulado a 100 km de altitude, faça-o pousar em segurança e repita a viagem duas semanas depois. A FAA estuda mais dois pedidos de licença semelhantes, um dos quais apresentado por outro concorrente do X-Prize.

Agencia Estado,

07 de abril de 2004 | 20h01

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.