EUA registram possível caso de "vaca louca"

O Departamento de Agricultura dos Estados Unidos informou sexta-feira sobre um possível caso do "mal da vaca louca" detectado no país. O teste positivo para encefalopatia espongiforme bovina (EEB) foi obtido em uma terceira rodada de exames realizados em um animal que já havia apresentado resultado negativo, revelou o departamento em um comunicado. Segundo o departamento de Agricultura, diante dos resultados contraditórios, amostras do animal serão enviadas a um laboratório britânico reconhecido pela Organização Mundial de Saúde Animal. O Departamento de Agricultura também realizará novos exames. O órgão garante que não há risco para a população, já que a carne do animal não foi utilizada como alimento humano.

Agencia Estado,

11 de junho de 2005 | 01h08

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.