Europa quer zerar exportação de mercúrio até 2011

A Comissão Européia anunciou nesta segunda-feira um plano para reduzir as exportações de mercúrio até sua eliminação total, em 2011."Estamos determinados a reduzir as emissões deste veneno", afirmou o comissário europeu para o Ambiente, Stavros Dimas. "A União Européia é o maior exportador global de mercúrio, e nós temos a responsabilidade de reduzir este comércio."O mercúrio é usado na mineração de ouro e também em produtos como termômetros. Quando lançado no ambiente, a contaminação de pessoas pode ser fatal, e mesmo em baixas concentrações o mercúrio afeta o sistema nervoso.Dimas chamou atenção para recentes dados sobre a excessiva concentração de mercúrio em peixes - um dos alimentos que contaminam o ser humano.O plano da União Européia prevê desde campanhas de conscientização sobre os perigos do mercúrio até o desenvolvimento de alternativas menos nocivas para substituir o produto.

Agencia Estado,

31 de janeiro de 2005 | 11h25

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.