Exame que indica idade da menopausa sai em 2006

Um exame capaz de apontar quantos óvulos aptos para a fertilização tem uma mulher deve ser lançado em janeiro por uma empresa britânica. O teste vai medir níveis de três hormônios no sangue para tentar determinar quando deve ocorrer a menopausa.Dois dos hormônios analisados pelo exame são produzidos pelos ovários e seus níveis caem com a aproximação da menopausa, enquanto o terceiro hormônio, produzido no cérebro, aumenta. Avaliando os níveis diferentes destes hormônios ao longo do tempo, deverá ser possível calcular quanto tempo falta para a menopausa.O kit, desenvolvido pelo professor Bill Ledger da Universidade de Sheffield, na Grã-Bretanha, está sendo feito pela empresa Biofusion Plc. O preço do exame ainda precisa ser determinado.Famílias tardiasAtualmente as mulheres estão adiando cada vez mais a gravidez e o início de uma família. O problema é que as mulheres têm um número determinado de óvulos que diminui à medida que elas envelhecem.Segundo a Autoridade de Fertilização Humana e Embriologia, uma mulher aos 35 anos apresenta apenas metade da fertilidade que possuía aos 25, e este nível cai novamente aos 40 anos. Na média, uma mulher chega à menopausa por volta dos 50 anos, mas pode acontecer dos 42 aos 58 anos de idade.Segundo o professor Ledger, os primeiros estudos para a criação do exame foram bem sucedidos e várias mulheres mudaram seus planos e decidiram ter um filho antes do que planejavam, por causa dos resultados.Entretanto, Ledger afirmou que os exames não devem alterar o fato de que a qualidade dos óvulos cai com a idade, aumentando a chance de desenvolvimento de problemas como Síndrome de Down, além do fato de que mães com mais idade têm mais risco de complicações na gravidez, inclusive de aborto.

Agencia Estado,

14 de outubro de 2005 | 14h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.