Fechamento de hospital gera reclamações

Ao menos cem pessoas já reclamaram sobre falta de assistência no Procon de São Caetano do Sul (Grande São Paulo) após o fechamento do hospital privado que leva o nome da cidade. O Hospital São Caetano era responsável pelo atendimento de pacientes do plano de saúde Di Thiene, ligado à mantenedora da unidade de saúde. Atualmente, apenas ocorrem alguns atendimento ambulatoriais no local.

Fabiane Leite, O Estado de S.Paulo

28 Julho 2010 | 00h00

A Agência Nacional de Saúde Suplementar atualmente intervém no plano. Segundo o Procon, o Hospital Brasil, que participava da gestão do São Caetano, após ter destacado esforços para reerguer a unidade, informou na sexta não ter relação com o hospital fechado e sim com a BSA Saúde S/A, que alugava o local.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.