Felicidade no casamento ajuda a combater a gripe

Pessoas com casamentos felizes têm mais chances de combater eficientemente a gripe, segundo uma pesquisa da Universidade de Birmingham. Por outro lado, aqueles que ficaram viúvos ou são recém-separados têm mais dificuldades para se livrar do vírus da gripe.Segundo a equipe responsável pela pesquisa, fatos estressantes da vida têm um efeito sobre a resposta imunológica à vacina anual contra a gripe. A resposta imunológica à vacina é considerada uma boa indicação da capacidade do corpo de combater o próprio vírus.Os pesquisadores examinaram o nível de anticorpos produzidos pelo corpo para combater a doença - um aumento maior nos níveis de anticorpos indica que o sistema imunológico está melhor capacitado para combater a infecção.As pessoas que se diziam felizes no casamento tinham um nível maior de anticorpos no sangue do que aqueles que se diziam menos satisfeitos em sua união matrimonial. Aqueles que tinham perdido o cônjuge no ano anterior à vacinação tiveram uma resposta pior do que aqueles que não tinham sofrido uma perda.O estudo analisou mais de 180 pessoas com mais de 65 anos em clínicas médicas de Birmingham. Os participantes deram uma amostra do sangue antes da vacinação e depois de um mês. Eles também completaram questionários para avaliar a exposição a eventos estressantes."Sabemos que aqueles com mais de 65 anos têm mais riscos de contrair gripe", diz a pesquisadora-chefe Anna Phillips. "Mas esta pesquisa mostra que, dentro desse grupo, aqueles que enviuvaram recentemente ou que são solteiros ou divorciados estão sob maior risco do que aqueles que estão em um casamento feliz.""É especialmente importante para quem está nos grupos de risco tomar a vacina contra a gripe", diz ela. "Gostaríamos de levar esta pesquisa adiante para ver se intervenções como aconselhamento matrimonial ou terapia podem melhorar a resposta imune nos grupos de risco."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.