Filho de FHC fala com Furlan sobre o Protocolo de Kyoto

O ministro do Desenvolvimento, Luiz Furlan, e o empresário Paulo Henrique Cardoso, filho do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, conversaram hoje sobre o desenvolvimento sustentável brasileiro e a execução no País do Protocolo de Kyoto. Segundo o Paulo Henrique, o ministro está "interessado nesse programa?.O filho de FHC representa a organização não-governamental Conselho Empresarial Brasileiro para Desenvolvimento Sustentável, entidade que tem entre outras filiadas empresas como a Vale do Rio Doce, Usiminas e Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Paulo Henrique informou que conversou também sobre o projeto que o governo brasileiro tem com a Alemanha de conceder incentivos fiscais para que 100 mil novos automóveis movidos a álcool sejam incorporados à frota brasileira. ?Com base no Protocolo de Kyoto, os créditos de dióxido de carbono que o Brasil vai obter com essa frota serão adquiridos pelo governo da Alemanha?, disse. ?O ministro disse que levará esse projeto adiante?.Segundo ele, a ong também vai conversar com os ministérios de Meio Ambiente e de Ciência e Tecnologia para que esse projeto siga em frente.

Agencia Estado,

07 de fevereiro de 2003 | 19h58

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.