Fogo consome 14 mil hectares de parque no Chile

Um incêndio consumiu 14 mil hectares de matas do Parque Nacional de las Torres del Paine, no extremo sul do Chile, e ainda não foi controlado. O fogo começou há uma semana, quando um turista tcheco acendia um fogareiro.O parque tem 180 mil hectares de matas nativas e uma fauna muito diversificada, com pumas, cervos, condores e cisnes entre os animais mais vistos.A Corporação Nacional Florestal teme ainda mais perdas, porque a região tem previsão de fortes ventos, com média de 100 km/h, nos próximos dias. Não há previsão de chuvas.Pelo menos 700 soldados do exército, marinha e corpo de bombeiros auxiliam os funcionários da Corporação no combate ao fogo, usando helicópteros e aviões. Também voluntários da Argentina trabalham contra o incêndio. O turista que provocou o incêndio chegou a ser preso, mas pagou fiança de US$ 200 e viajou, no sábado passado, para a Argentina, segundo informações do consulado da República Tcheca em Santiago.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.