Fogo devora floresta de Carajás, no Pará

Um incêndio que já dura sete dias destruiu, até agora, uma área maior que 200 campos de futebol da Floresta Nacional (Flona) de Carajás, em Parauapebas, no sul do Pará. Cerca de 60 homens do Corpo de Bombeiros de Marabá e do Ibama de Brasília estão na área tentando apagar o fogo em locais de difícil acesso, mas o incêndio ainda parece fora de controle.Um helicóptero do Ibama deverá despejar 500 mil litros de água sobre os focos de incêndio a partir desta segunda-feira. A floresta de Carajás abrange uma área de 411 mil hectares de propriedade da Companhia Vale do Rio Doce. Os bombeiros criaram barreiras para evitar que o fogo se alastre. Segundo a chefe da Flona, Viviane Lasman, será feita uma perícia para saber as causas do incêndio assim que ele for controlado.

Agencia Estado,

07 de agosto de 2005 | 16h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.