Fundação dos EUA entrega ao papa US$ 7,5 milhões

Com esse dinheiro, serão construídos seminários, paróquias e centros de amparo e de assistência

Efe,

05 de abril de 2008 | 04h55

A fundação americana Papal Foundation, criada pelos católicos dos Estados Unidos para contribuir com as obras caridosas do bispo de Roma, entregou a Bento XVI US$ 7,5 milhões, que serão destinados a 105 projetos, em sua maior parte na África e América Latina. Dessa quantidade, segundo informou nesta sexta-feira, 4, o jornal do vaticano L'Osservatore Romano, US$ 6,8 milhões serão destinados a centenas de projetos e outros US$ 700 mil para a criação de 67 bolsas de estudos. Com esse dinheiro, serão construídos seminários, paróquias e centros de amparo e de assistência. O Papa Bento XVI recebeu os representantes da fundação nesta sexta no Vaticano e após agradecer o esforço dos católicos americanos, os incentivou a "multiplicar os esforços de solidariedade para poder ajudar às necessidades da família humana". A fundação foi criada em 1990 e desde então arrecadou um total de US$ 41 milhões para obras de caridade do Pontífice.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.