Governo chinês confirma dois novos focos de gripe aviária

O governo da China confirmou dois novos focos do vírus H5N1 da gripe aviária em aves domésticas, na região de Xinjiang e na província de Hunan. Na China, mais de 20 milhões de aves foram sacrificadas este ano e foram identificados 20 focos da doença desde meados de outubro em diferentes pontos do país. Três pessoas foram infectadas pelo vírus, sendo que duas morreram. O Ministério da Agricultura informou em seu site na internet que 288 aves mortas na semana passada en Xinjiang e outras 402 em Yongzhou no começo de novembro estavam infectadas com o vírus H5N1. Agências veterinárias locais sacrificaram 65 mil aves domésticas em um raio de 3 quilômetros ao redor das áreas afetadas, disseram fontes do ministério.

Agencia Estado,

29 de novembro de 2005 | 06h47

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.