Gripe aviária faz décima morte entre humanos na Indonésia

Autoridades sanitárias da Indonésia anunciaram nesta sexta-feira a morte de um homem de 39 anos por da gripe aviária, segundo análises feitas neste país do sudoeste asiático. De acordo com essas fontes, novas amostras de material retirado do corpo da vítima serão analisadas no laboratório de referência da Organização Mundial de Saúde (OMS) em Hong Kong. Os resultados definitivos serão conhecidos em alguns dias. Caso seja confirmada, será a décima morte por gripe aviária na Indonésia entre humanos. O homem, que morava em um bairro do sul de Jacarta, morreu naquarta-feira no hospital de doenças infecciosas Sulianti Saroso, na capital indonésia, um dia após ser internado. Moradores do local disseram aos meios de comunicação que nos últimos meses vários frangos morreram de maneira repentina em aviários do bairro. Funcionários do Ministério da Saúde da Indonésia começaram a tirar amostras de parentes, amigos e moradores da região para saber se há novos afetados. Apesar das ações de prevenção, continuamsurgindo novos focos de gripe aviária entre aves na Indonésia. Com isso, aumenta o risco de novas infecções entre humanos. O letal vírus H5N1 da gripe aviária reapareceu na Coréia do Sul em dezembro de 2003 e, desde então, causou a morte de 71 pessoas na Ásia.

Agencia Estado,

16 de dezembro de 2005 | 00h56

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.