Gripe aviária mata homem no Vietnã

Um homem morreu no norte do Vietnã com o vírus H5N1, elevando a 42 o número de mortos por essa doença no país. A vítima é um homem de 35 anos que morreu na semana passada com os sintomas clínicos da gripe aviária no centro de terapia intensiva do hospital Bach Mai de Hanói."Este é o primeiro caso confirmado que dá positivo ao vírus H5N1 desde 25 de julho", disse Nguyen Van Binh, vice-chefe do departamento de medicina preventiva do Ministério da Saúde.A vítima vivia a cerca de 200 metros de um mercado de frangos no distrito Dong Da de Hanoi, e comeu frango pouco antes de adoecer, disse Binh. Todos os membros da família foram postos sob observação, mas até o momento não têm sintomas.O homem foi hospitalizado com fortes sintomas de gripe aviária em 26 de outubro e morreu três dias depois, informou Van Binh.FocosOs meios de comunicação locais informaram nesta segunda-feira a aparição de outros três pequenos focos de gripe aviária em fazendas avícolas na província central de Quang Nam, em Thanh Hoa, ao norte, e na capital, Hanói.Desde o princípio de 2004, foram confirmados 92 casos de pessoas infectadas com o vírus H5N1 no Vietnã, 42 das quais morreram.Embora no Vietnã tenham acontecido alguns casos suspeitos de transmissão entre humanos, até agora não há provas de que o vírus tenha sofrido mutação para permitir o contágio fácil entre pessoas.Nota do Editor: Este texto foi alterado em 08/11/05, com o acréscimo de informações

Agencia Estado,

07 de novembro de 2005 | 23h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.