Herbívoros garantem maior diversidade em matas

Antas, veados, porcos-do-mato (queixadas e catetos), pacas e cutias estão entre as espécies herbívoras que desempenham um papel essencial na manutenção da diversidade florestal, conforme estudo realizado em vários pontos do interior de São Paulo.Áreas de mata atlântica com menor ou nenhuma biomassa produzida por estes animais "apresentaram uma riqueza de espécies vegetais aproximadamente 53% menor do que as áreas com maior presença animal?, explica Cecília Alves-Costa, atualmente professora da Universidade Federal de Pernambuco.Os resultados da pesquisa levam Cecília a alertar sobre a necessidade de um manejo da fauna como forma, também, de preservação da vegetação.?A necessidade do controle efetivo da caça e a reconexão de fragmentos isolados - por meio do plantio de corredores de vegetação - são estratégias fundamentais para que as interações entre plantas e animais possam ser mantidas e a diversidade vegetal possa ser assegurada no longo prazo?, aponta Cecília.O trabalho da pesquisadora, apresentado no encontro da Associação de Biologia Tropical e Conservação (ABTC), em julho, venceu o prêmio Luis Bacardi, iniciativa que destaca os melhores trabalhos da área de biologia da conservação em áreas tropicais.

Agencia Estado,

05 de setembro de 2005 | 12h39

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.