Ibama confirma vazamento de óleo na Bacia de Campos

Os técnicos do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) confirmaram o vazamento de óleo bruto que atinge uma área de 28 quilômetros quadrados na Bacia de Campos, no litoral norte do Estado do Rio de Janeiro, a 115 quilômetros de Macaé. De acordo com os técnicos do Ibama, o óleo não deve chegar à costa e uma embarcação especializada da Petrobras está trabalhando no local para impedir a propagação da mancha e possíveis danos ao meio ambiente.Segundo a assessoria de imprensa do Ibama, os técnicos sobrevoaram na manhã deste sábado o Campo de Marlim Sul, onde fica o poço MLS-107 e onde robôs submarinos da Petrobras identificaram, na quinta-feira, o afloramento de óleo no solo marinho, a 1.250 metros de profundidade.Em nota, a Petrobras informou que a produção do Campo de Marlim Sul está normal, pois o poço MLS-107 não estava operando.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.