Ibama recomenda fechamento de 5 zoológicos em MG

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), emMinas Gerais, recomendou nesta quinta-feira o fechamento de cinco zoológicos do interior do Estado por apresentarem diversas irregularidades.A decisão é resultado de uma vistoria feita nas unidades mineiras pelo órgão federal, com o auxílio da Sociedade dos Zoológicos do Brasil (SZB) e a organização não-governamental(ONG) Fundação Relictos.Durante dois meses - de 24 de junho a24 de agosto - a equipe formada por técnicos visitou 20 zoológicos municipais de Minas.Segundo o gerente-executivo do Ibama no Estado, Jader Figueiredo, o principal problema detectado pela fiscalização foi a falta de segurança para os visitantes e tratadores. Além disso, as unidades não tinham técnicos especializados, comobiólogos e veterinários.Os zoológicos de Caratinga, João Monlevade, Pará de Minas, Timóteo e Estrela Dalva estão em situação alarmante e deverão ter as atividades suspensas. Os animais serão transferidos para outras unidades do Estado ou do País. O Ibamacatalogou 3.834 espécimes nos zôos mineiros.Segundo Figueiredo, foram constatadas outrasirregularidades, como o não atendimento da legislação específica em relação ao espaço físico e adequação dos recintos onde vivemos animais. Os abrigos apresentavam ainda condições sanitárias precárias e a alimentação fornecida foi considerada inadequada.Durante as visitas, o próprio zoológico de Pouso Alegre solicitou o seu fechamento, alegando não ter mais condições de funcionar. A vistoria constatou que somente quatro unidades - oszoológicos de Belo Horizonte, Uberaba, Uberlândia e Sete Lagoas - estão devidamente registradas.Os relatórios das vistorias, de acordo com ogerente executivo do Ibama, serão entregues ao Ministério Público Estadual. Os estabelecimentos serão advertidos e obrigados a assinar um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o MP, comprometendo-se a regularizar a situação ou correrão também o risco de serem fechados.Tal comprometimento é considerado pelo órgão "a chance derradeira para que se adequem à legislação pertinente".Dois zoológicos do Estado já haviam sido desativados antes do início da operação do Ibama: o de Andradas, no sul deMinas, e o de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, "tendo em vistaa situação lastimável em que se encontravam os animais".O projeto mineiro de vistoria,batizado de "Operação Zoológico Legal", faz parte de um diagnóstico nacional sobre a situação dos 137 zoológicos do País. Em São Paulo, segundo o Ibama, onde ocorreu a primeira fiscalização, foram fechadas três unidades.Outras seis foram interditadas e seis tiveram de regularizar suas condições àsnormas vingentes. De acordo com o último censo realizado pela SZB, em 1999, os zoológicos brasileiros abrigam aproximadamente 50 milanimais e recebem, por ano, cerca de 33 milhões de visitantes.

Agencia Estado,

28 de novembro de 2002 | 22h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.