Ilha francesa tem mais 2 casos suspeitos de gripe aviária

O vírus H5N1 da gripe aviária não foi detectado no paciente hospitalizado na ilha francesa de Reunião, no Oceano Índico, informou nesta quinta-feira o Ministério da Saúde. As análises foram realizadas no Instituto Pasteur.Mas há outros dois doentes na mesma ilha, cujos exames devem ser divulgados na sexta-feira. Todos os três doentes haviam visitado um zoológico em recente viagem à Tailândia.Segundo o ministro Xavier Bertrand, os primeiros exames realizados na ilha deram positivo para H5N1, mas o primeiro caso analisado em Paris acabou sendo descartado.A Prefeitura de Reunião informou que um grupo de 19 pessoas visitou a Tailândia entre 12 e 19 de outubro. O primeiro caso suspeito - um homem de 43 anos - foi notificado na segunda-feira passada. Outras duas pessoas com sintomas de gripe foram internadas em seguida."As coisas estão sob o controle das autoridades sanitárias" e as pessoas citadas estão sendo tratadas com antivirais, frisou Bertrand.   leia mais sobre gripe aviária

Agencia Estado,

27 de outubro de 2005 | 14h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.