Irmãs fazem bebê com "três mães" na Grã-Bretanha

Uma britânica que ficou estéril após se tratar de um câncer teve um filho com a ajuda de suas duas irmãs. A irmã gêmea de Alex, Charlotte, concordou em doar um óvulo, enquanto a sua outra irmã, Helen, se prontificou permitir o uso de seu útero para a gestação.O óvulo de Charlotte foi fecundado com um espermatozóide do marido de Alex, Shaun.O bebê Charlie nasceu há cerca de 3 meses. "Ele é um anjo. Serei eternamente grata às minhas irmãs", disse Alex, que mora em Londres.Ela tinha 28 anos quando decidiu com o marido que queria ter o primeiro filho. Mas após ter câncer cervical, ela foi obrigada a fazer quimioterapia, o que a deixou estéril."Isso foi mais duro até que o câncer. Shaun e eu queríamos construir uma família e isso nos foi negado", lembra Alex.Ao perceber sua decepção, as irmãs decidiram intervir. "Quando elas souberam, perguntaram: ´Há algo que podemos fazer?´"."Eu e Shaun dissemos que queríamos ter filhos que tivessem os laços mais próximos possíveis conosco. Charlotte disse: ´Nenhum problema, você pode ter meu óvulo.´ Parecia quase uma piada."Depois, a outra irmã, Helen, de 35 anos, ofereceu a sua "barriga de aluguel". Um tratamento de fertilização in vitro foi realizado, e Helen ficou grávida já na primeira tentativa.Embora Helen tenha carregado Charlie por nove meses, ela disse que não teve problemas para entregar a criança à irmã após o bebê ter nascido. "Sou só uma mãe de aluguel. Apenas fiz a gestação do bebê para Alex e não vejo as coisas como se estivesse abrindo mão da criança."Helen contou ter sentido muitas saudades da criança nos momentos iniciais após tê-la entregue à irmã, mas acrescentou que toparia fazer tudo de novo caso Alex decida ter outro filho.A história das "três mães" será exibida num documentário no canal BBC 1 da TV britânica na próxima segunda-feira.

Agencia Estado,

24 de outubro de 2005 | 12h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.