Japão autoriza pesquisa com embrião humano

Depois de uma mesa-redonda, o governo japonês decidiu, em Tóquio, permitir as pesquisas com células-tronco embrionárias humanas. Partidários dessa prática para fins médicos dizem que a clonagem terapêutica tem enorme potencial para o desenvolvimento de tratamentos para doenças graves e para salvar vidas. Já os opositores temem que essas pesquisas levem à clonagem humana. A agência de notícias Kyodo informou que a decisão não permitirá que esses estudos comecem até que seja estabelecida uma série de condições, entre elas a criação de um sistema governamental para avaliá-los.

Agencia Estado,

23 de junho de 2004 | 20h19

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.