Reprodução
Reprodução

Jornal do Vaticano lança suplemento feminino

'Mulheres, Igreja e Mundo' será publicado uma vez por mês junto do 'L'Osservatore Romano'

José Maria Mayrink - O Estado de S. Paulo

31 Maio 2012 | 21h32

O jornal Osservatore Romano, do Vaticano, lançou nesta quinta-feira, 31, o suplemento feminino "Mulheres, Igreja e Mundo", de quatro páginas em cores, que terá circulação mensal. A diretora do suplemento é a editorialista Lucceta Scaraffia, docente de História Contemporânea na Universidade La Sapienza, de Roma.

 

"Seria uma perda para o Osservatore Romano se as mulheres estivessem presentes somente uma vez por mês, mas o jornal dará a palavra a elas todos os dias", disse o diretor do diário do Vaticano, Giovanni Maria Vian. Segundo ele, o objetivo do suplemento do Osservatore é alargar o olhar e o horizonte do jornal da Santa Sé.

 

O diretor do jornal observou que nos últimos cem anos as mulheres ampliaram seu espaço na Igreja, tanto assim que o papa Paulo VI, numa decisão surpreendente, convidou um grupo de mulheres a particiar do Concílio Ecumênico Vaticano II.

 

A primeira ediçao do suplemento feminino traz uma entrevista com a presidente do Movimento dos Focolares, Maria Voce, e reportagens sobre mulheres vítimas do extermínio nazista e de freiras que salvam as "novas escravas" ou mulheres exploradas em diversos campos, particularmente o sexual.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.