Lua de Saturno também pode ter anéis, diz Nasa

Réia, segundo maior satélite do planeta gigante, tem um disco de rochas girando ao seu redor

Da Redação,

06 de março de 2008 | 17h16

Uma sonda espacial encontrou evidências de que Réia, o segundo maior satélite do planeta Saturno, também tem anéis. De acordo com a Nasa, esta é a primeira vez que se detectam anéis em torno de uma lua.   Dados levantados por instrumentos da sonda Cassini indicam a presença de disco largo de destroços e pelo menos um anel em órbita da lua. Réia tem cerca de 1.400 km de diâmetro, e o aparente disco de material ao redor da lua se estende por vários milhares de quilômetros.   De acordo com os pesquisadores responsáveis pela análise dos dados, que apresentam seus resultados na revista Science, o material no disco e em qualquer anel que faça parte dele deve ser formado por fragmentos que vão do tamanho de cascalho ao de pedras.   Cálculos realizados pelos pesquisadores sugerem que uma combinação da gravidade de Réia com sua órbita em torno de Saturno sugere que a lua é capaz de sustentar um sistema de anéis por longos períodos de tempo.   A detecção do disco e do anel se deu de forma indireta, a partir da constatação de uma queda no número de elétrons que atinge a lua - o que sugeriu aos pesquisadores a presença de algum tipo de" blindagem" ao redor do satélite.   Uma explicação possível para a origem dos anéis seria a colisão de um asteróide ou cometa com Réia no passado distante.

Tudo o que sabemos sobre:
saturnoanéissistema solarnasascience

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.