Missão da Índia à Marte fica mais próxima do sucesso após teste de motor

Missão da Índia à Marte fica mais próxima do sucesso após teste de motor

Se for bem sucedida, será a primeira vez que uma missão alcança o feito em sua primeira tentativa

ADITYA KALRA, REUTERS

22 Setembro 2014 | 11h32

Cientistas indianos testaram com sucesso o motor principal de uma espaçonave destinada a Marte nesta segunda-feira, e realizaram uma correção de curso que colocou o projeto de baixo custo na rota de entrada na órbita do planeta vermelho.

A missão de 74 milhões de dólares irá tentar orbitar o planeta no começo da quarta-feira. Se for bem sucedida, será a primeira vez que uma missão alcança o feito em sua primeira tentativa, ressaltando a posição da Índia na corrida espacial global.

“Teste de disparo do motor líquido principal bem sucedido... tivemos uma queima perfeita durante quatro segundos, como programado”, informou a estatal Organização Indiana de Pesquisa Espacial (Isro, na sigla em inglês) em seus sites na mídia social.

O motor foi testado depois de ficar inativo durante 300 dias e será usado com oito pequenos aceleradores durante a entrada em órbita. Reduzir a velocidade da espaçonave de seus atuais 22 quilômetros por segundo será um desafio crucial, dizem os especialistas. Chamada Mangalyaan, a espaçonave foi lançada em novembro do ano passado.

Mais conteúdo sobre:
CIENCIA INDIA MARTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.