Morre aos 92 anos o reverendo Moon, da Igreja da Unificação

O fundador e líder da Igreja da Unificação, com milhões de seguidores em todo o mundo, Sun Myung Moon, morreu cerca de Seul neste domingo (segunda-feira na Coreia do Sul), informaram autoridades da igreja.

Reuters

03 Setembro 2012 | 18h37

O reverendo Moon tinha 92 anos e sofria de complicações decorrentes de uma pneumonia, disseram as autoridades

Ele teve uma vida pública ativa até recentemente. Em março ele realizou um casamento coletivo para 2,5 mil pessoas e liderou um serviço religioso para mais de 15 mil pessoas em julho.

O reverendo Moon já havia deixado o comando diário da operações da igreja, que tem a sua sede em Seul, para um de seus filhos, e a gerência do Tongil Group, com atividades nas áreas de construção, resorts, agências de viagens e um jornal, para um outro filho.

(Por Ralph Gowling)

Mais conteúdo sobre:
RELIGIAOMORTELIDER*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.