Na Jordânia, papa fará sua segunda visita a uma mesquista

Papa vai chegar ao país na primeira parada de um tour regional que também passará por Israel e à Cisjordânia

AP,

17 de fevereiro de 2009 | 20h09

O papa Bento XVI vai visitar uma mesquita em Amã durante sua viagem ao Oriente Médio entre os dias 8 e 15 de março, um líder da Igreja Católica na Jordânia disse nesta terça-feira, 17.   Veja também:  Presidente de Israel acompanhará papa em visita à Terra Santa  Bento XVI diz que negar Holocausto é ''inaceitável''  A polêmica do bispo que nega o Holocausto   O papa vai chegar na Jordânia na primeira parada de um tour regional que também passará por Israel e à Cisjordânia.   Bento XVI irá visitar a Mesquita Hussein Bin Talal, sua segunda visita a uma mesquita desde que rezou na Mesquita Azul em Istambul em 2006, disse Padre Rifat Bader, porta-voz da parcela da Jordânia da visita.   "Ele também irá se encontrar com líderes muçulmanos na mesquita, ressaltando a coexistência entre religiões", disse Bader.   A mesquita, a maior de Amã, foi construída no subúrbio há cerca de quatro anos e batizada com o nome do rei que morreu de câncer em 1999.   Durante a estada de três dias, o papa também irá visitar locais bíblicos na Jordânia, seguindo os passos de seu antecessor, o papa João Paulo II, que visitou a região em 2000.   Os cristãos formam 3% da população de 5.8 milhões de pessoas da Jordânia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.