Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Nasa aponta marcas estranhas na superfície de Titã

Astrônomos da Nasa identificaram uma grande cratera, com 440 km de diâmetro, na superfície de Titã, a maior lua de Saturno. Detectaram também estranhas linhas paralelas no relevo do satélite, formadas por dunas ou algum processo geológico desconhecido.Imagens coletadas pela sonda Cassini, em sua última passagem a curta distância de Titã (1.577 km), revelaram estas novidades sobre o misterioso satélite. A cratera descoberta é a primeira marca evidente do que pode ter sido um impacto na superfície de Titã.As linhas paralelas, chamadas de "arranhões de gato" pelos cientistas do Laboratório de Propulsão a Jato, em Pasadena, não são nada familiares. "É reconfortante perceber que há similaridades em partes de Titã, mas também há coisas novas e estranhas", comentou Jonathan Lunine, pesquisador da Universidade de Tucson, no Arizona.Estas novas imagens foram produzidas com radar no último dia 15. A região dos "arranhões" aparece numa montagem que cobre uma área de aproximadamente 300 km por 900 km.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.