Nasa confirma água em Marte e prorroga missão da Phoenix

Pela primeira vez, testes químicos a bordo de uma sonda espacial confirmam existência de água em Marte

Carlos Orsi, do estadao.com.br. e Reuters,

31 de julho de 2008 | 17h21

"Temos água", disse o cientista William Boynton, da Universidade do Arizona, durante conferência televisionada pela Nasa, ao se referir aos resultados de testes químicos realizados quando um instrumento da sonda Phoenix analisou os vapores emitidos por uma amostra de solo marciano. Até agora, as evidências da presença de água em Marte tinham sido indiretas, como a sublimação de pedras de gelo, capturada pela câmera da Phoenix.   O resultado foi obtido por um instrumento da Phoenix, o analisador térmico de gás, ou Tega, que vinha experimentando uma série de problemas, incluindo um curto-circuito que ameaçava inutilizá-lo.   Ao anunciar a primeira confirmação química da presença de água em Marte, os representantes da Nasa também afirmaram que a missão da Phoenix, prevista para se encerrar no final de agosto, será prorrogada até 30 de setembro. De acordo com nota da agência espacial, a sonda está em "boa forma".   Os cientistas ad Nasa dizem que, agora que a questão da água está resolvida, a Phoenix passará a buscar sinais de habitalibilidade, tentando determinar se a região ártica de Marte, onde a sonda se encontra, é ou já foi capaz de abrigar vida. Resultados anteriores já mostraram que o solo próximo à Phoenix é alcalino e contém nutrientes minerais, como sódio e potássio, mas nenhum sinal de matéria orgânica foi detectado ainda.

Tudo o que sabemos sobre:
marteáguaphoenix

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.