Nasa divulga panorama de possível leito de mar marciano

A Nasa anunciou que poderá enviar o robô Opportunity para uma viagem só de ida rumo às profundezas de uma cratera marciana que pode ter sido o leito de um oceano extinto. A viagem permitirá que o robô encerre sua missão estudando rochas depositadas em camadas que podem ter se formado nas profundezas de um mar extraterrestre.As diversas camadas de leito rochoso que aparecem em grande parte da face interna da cratera Endurance encontram-se em rochedos que, em alguns pontos, chegam a ter entre 5 e 10 metros de altura. Eles podem ser vistos num amplo panorama colorido que a Nasa divulgou nesta quinta-feira.?É a vista mais espetacular que já tivemos da superfície marciana, pelo valor científico e também pela pura beleza?, disse o astrônomo Steve Squyres, principal cientista da missão.A massa principal do leito rochoso encontra-se bem mais abaixo da superfície - e portanto é mais antigo - que um outro rochedo já estudado pelo Opportunity, a 800 mertros de distância, e que já revelou sinais de ter se formado em um ambiente úmido, talvez propício à vida.

Agencia Estado,

06 de maio de 2004 | 20h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.