Nasa identifica defeito que impede lançamento do Atlantis

O comportamento errático de sensores de segurança forçou a Nasa a adiar lançamentos neste mês

Associated Press,

19 de dezembro de 2007 | 10h40

A Nasa rastreou uma falha em sensores de combustível do ônibus espacial Atlantis a um conector defeituoso, mas um importante administrador da agência espacial disse não saber quanto tempo será necessário para trocar a peça, nem quando a nave poderá voar novamente.   O comportamento errático desses sensores - parte de um sistema vital de segurança - forçou a Nasa a adiar lançamentos neste mês. Até o teste realizado na terça-feira, 18, a agência tinha por objetivo enviar o Atlantis à Estação Espacial Internacional (ISS) em 10 de janeiro.   "vamos seguir esta trilha até onde ela nos levar,  vamos resolver o problema e então voaremos... seja em 10 de janeiro, 10 de fevereiro ou 10 de março", disse o gerente do programa de ônibus espaciais, Wayne Hale.   Dois dos quatro sensores de combustível no fundo do tanque externo falharam no teste de terça-feira, e um terceiro não funcionou muito bem.   Equipamentos especiais de diagnóstico indicaram circuitos abertos no conector que passa pela parede do tanque, ligando a fiação dos sensores ao Atlantis.

Tudo o que sabemos sobre:
atlantisissnasa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.