Nasa tentará confirmar a Teoria da Relatividade

Depois de 100 anos da publicação da Teoria da Relatividade, de Albert Einstein, a Nasa tentará comprová-la através da sonda Gravity Probe B (GP-B). O instrumento deverá verificar se há algum desvio do eixo de escalação de seus giroscópios em relação à sua estrela guia, a IM Pegasi (HR 8703).As teoria de Einstein revelaram que os corpos cósmicos maiores, como os buracos negros, os planetas e as estrelas, alteram o espaço e o tempo ao seu redor com sua força de gravidade. Com isso, o cientista desmentiu o conceito de espaço fixo de Isaac Newton.Segundo a agência Efe, essas informações serão submetidas a um estudo somente agora por causa da falta de tecnologia necessária até então. Isso porque as alterações são minúsculas e difíceis de serem detectadas.A comprovação será feita por uma equipe da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos. O grupo, tentará captar os possíveis erros ou acertos da teoria através de medições de grande precisão.Se Einstein estiver certo, os cientistas acreditam que o desvio do eixo de rotação da Terra causado pelo efeito da gravidade deverá ser de um ângulo de 6.614,4 milionésimos de segundo em um ano. Já o desvio previsto pelo efeito sobre o tempo seria de apenas 40,9 milionésimos de segundo.

Agencia Estado,

28 de março de 2005 | 15h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.