Nasceu segundo bebê clonado, anuncia a Clonaid

A empresa Clonaid, ligada à seita dos raelianos, asssegurou hoje que nasceu um segundo bebê clonado, do sexo feminino, filha de um casal de lésbicas holandesas, na sexta-feira, em um país do norte da Europa. O anúncio foi feito pela presidente da empresa, Brigitte Boisselier.A bióloga não quis especificar em que país nasceu o suposto segundo recém-nascido clonado, nem apresentou provas que confirmem o anúncio. Também não existem fontes independentes que possam confirmar este nascimento nem o de Eva - como está sendo chamada a primeira criança supostamente clonada - em 26 de dezembro. Sobre Eva, Boisselier afirmou que seria filha de pais americanos.No caso da segunda menina, a bióloga assegurou que ela "veio ao mundo às 22h (de ontem), está muito bem e pesa 2,7 quilos, um pouco menos do que Eva". A presidente da Clonaid acrescentou que não queria indicar o local do nascimento para preservar a identidade do casal. "Não são muitos os países em que exatamente nessa hora nasceu uma menina", disse.

Agencia Estado,

04 de janeiro de 2003 | 14h17

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.