Nave espacial da Virgin Galactic faz primeiro voo de teste

Grupo do bilionário Richard Branson aspira operar voos espaciais turísticos a partir de 2012

Efe

23 Março 2010 | 11h34

A nave de seis passageiros, chamada VSS Enterprise, voo durante quase 3 horas    

 

CABO CANAVERAL - Uma nave suborbital de propriedade da empresa Virgin Galactic, que aspira a operar voos espaciais turísticos, decolou nesta segunda-feira, 22, do deserto do Mojave, na Califórnia, para o seu voo teste. A elegante nave de seis passageiros, chamada VSS Enterprise, continuou presa a um avião ao longo das 2h54min de voo.

 

A Virgin Galactic, parte do grupo londrino Virgin, do bilionário Richard Branson, já recolheu mais de 45 milhões de dólares em depósitos e taxas de mais de 330 astronautas amadores aspirantes. Cada um deles pagará 200 mil dólares por alguns minutos de voo Suborbital.

 

A Entreprise foi projetada e construída por Burt Rutan, fundador da Scaled Composites, empresa com sede no Mojave que hoje é uma integralmente controlada pelo Northrop Grumman.

 

"Ver a VSS Enterprise voar pela primeira vez realmente comprova como são lindos e inovadores os veículos que Burt e sua equipe desenvolvem para nós", disse Branson em nota.

 

Os voos de teste devem prosseguir em 2011, e a meta da empresa é iniciar as atividades comerciais em 2012.

 

O projeto da Enterprise se baseia em um protótipo de nave suborbital chamado SpaceShipOne, que ganhou em 2004 um prêmio de 10 milhões de dólares por ser o primeiro voo espacial financiado de forma privada.

 

Esse protótipo atualmente está exposto no Museu Aeroespacial Smithsonian.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.