Nobel de Medicina abre a semana de premiações

O respeitado diário sueco Dagens Nyheter dá como muito provável a escolha dos epidemiologistas britânicos Richard Doll e Richard Peto para o Prêmio Nobel de 2004 em Fisiologia ou Medicina, a ser anunciado nesta segunda-feira. Eles foram os responsáveis pelos estudos, iniciados nos anos 50, que relacionaram o hábito de fumar com o câncer.A microbiologista norte-americana Rita Colwell também estava muito bem cotada na imprensa sueca neste domingo. Ela demonstrou nos anos 80 que o vibrião da cólera é um organismo mais complexo e resistente do que se imaginava até então.Mas alguns analistas lembraram que o barômetro mais apropriado para o Nobel nesta área é o prêmio concedido pela Fundação Albert e Mary Lasker. Nada menos que 68 premiados por ela foram também agraciados com o Nobel de Fisiologoa/Medicina.Neste ano, um trio franco-americano venceu na categoria de pesquisa básica, com estudos sobre proteínas chamadas receptores nucleares de hormônios. O trabalho de Elwood Jensen, iniciado nos anos 50 e continuado por Pierre Chambon e Ronald Evans nos anos 80 mostrou como estas proteínas regulam a atividade de genes.Em pesquisa clínica, o prêmio Lasker deste ano foi postumamente para Charles Kelman, que transformou a cirurgia de catarata num procedimento simples a ponto de não exigir mais uma internação hospitalar longa como antes.Semana de nomeaçõesO anúncio desta segunda-feira dá início à semana de nomeações do Nobel de 2004. Serão anunciados até o dia 11 de outubro os escolhidos em todas as seis categorias do prêmio: Fisiologia/Medicina, Física, Química, Literatura, o Nobel da Paz e o de Economia.O prêmio de Fisiologia/Medicina inclui, além do insuperável prestígio, um cheque de US$ 1,3 milhão. A decisão nesta categoria é tomada pela chamada Assembléia Nobel no Instituto Karolinska de Estocolmo. O anúncio deve ocorrer somente depois das 12h30 de Brasília.No ano passado o prêmio foi para o britânico Peter Mansfield e para o norte-americano Paul Lauterbur, pelas descobertas que permitiram desenvolver imagens de ressonância magnética capazes de revelar detalhes impressionantes do interior dos seres vivos. A técnica é amplamente usada no diagnóstico de doenças.O Nobel de Fisiologia/Medicina é o terceiro dos prêmios instituídos no testamento do magnata sueco Alfred Nobel (1833-1896) e concedidos a partir de 1901. Todos os premiados recebem uma quantia igual, resultado dos juros anuais obtidos nas aplicações financeiras da fortuna da família Nobel.O Nobel de Economia, que será entregue no dia 11, é o único financiado por outra instituição, o Banco da Suécia. Foi instituído em 1968.

Agencia Estado,

03 de outubro de 2004 | 17h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.