OMS anuncia 3.ª morte por gripe aviária na China

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou nesta quinta-feira a morte de uma terceira pessoa na China por gripe aviária, o que elevou para 68 o número de vítimas fatais em decorrência dessa doença no mundo todo. O número de pessoas infectadas pelos vírus H5 subiu para 131.O caso é de uma mulher de 35 anos que morreu em 22 de novembro, 11 dias após apresentar os primeiros sintomas. Ela é a segunda vítima confirmada na província de Anhui. Os exames apontaram a presença do H5N1, a variante mais perigosa para os humanos.O Ministério da Saúde chinês informou que a mulher teve contato com aves mortas. Com febre alta e pneumonia, ela foi hospitalizada em 15 de novembro e morreu sete dias depois.Também nesta quinta-feira, o Ministério da Agricultura anunciou o diagnóstico de um novo foco de gripe aviária em aves, o que aumenta para 25 o número de focos registrados no país neste ano, com 146.688 aves mortas pelos vírus e mais de 21 milhões sacrificadas.   leia mais sobre gripe aviária

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.