Ônibus espacial Buran chega a cidade onde será peça de museu

Foram gastos mais de 10 milhões de euros para comprar e transportar a nave, última exemplar da União Soviética

Efe,

11 de abril de 2008 | 20h58

A última nave especial soviética do tipo Buran chegou nesta sexta-feira, 11, a seu destino, na cidade alemã de Espira, após percorrer durante toda a semana a maior parte do Rio Reno a bordo de uma embarcação especial,o que virou atração que foi vista com espanto a sua passagem para milhares de curiosos em várias cidades e povoados, às margens do rio.   Veja também: Ônibus espacial soviético vira peça de museu na Alemanha   A nave soviética, que chegou no último final de semana al porto holandês de Roterdã, vindo dos Emirados Árabes, vai ser desembarcado neste sábado e transportado por uma carreta até seu destino final, no Museu de Tecnologia de Espira.   A ônibus espacial Buran, que começou a ser desenvolvido nos anos 70, é o último sobrevivente de uma série de 20 naves que a extinta União Soviética construiu nos anos 80 para auxiliar à MIR, sua estação espacial permanente.   No entanto, apenas uma dessas naves chegou a ir ao espaço em 1988, para retornar a base de Baikonur depois de dar somente duas voltas ao redor da Terra, bem como a URSS acabou abandonando o projeto por problemas financeiros.   O último Buran, do número de Seri 002, foi exposto em Sidney durante os Jogos Olímpicos de 2000, seguindo para o emirado de Bahrein para outra mostra e, desde o término desta última há alguns anos, se encontrava em situação prática de abandono na península árabe.   Graças aos esforços da sociedade de amigos que apóia o Museu da Tecnologia de Espira, foi possível juntar os 10 milhões de euros (cerca de R$ 26,7 milhões) necessários para comprar o ônibus especial e organizar o seu transporte até a Alemanha, primeiro por mar, de Bahrein à Roterdã, e agora por rio, até seu destino final.   O museu é um dos mais espetaculares do mundo, com uma impressionante coleção de aviões e ônibus especiais, que tem desde um Jumbo 747 até um gigantesco Antonov 22, mas também tem automóveis e outros tipos de aeronaves, entra os que se destacam vários submarinos grandes.

Tudo o que sabemos sobre:
Buranônibus espacialAlemanhaURSS

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.