Reprodução / NASA TV
Reprodução / NASA TV

Ônibus espacial Discovery se acopla à Estação Espacial Internacional

Com a chegada da nave americana, a ISS contará com 13 tripulantes; entre eles, 4 mulheres

Efe

07 Abril 2010 | 07h43

A nave americana "Discovery", com sete tripulantes a bordo, se acoplou nesta quarta-feira, 7, à Estação Espacial Internacional (ISS), informou um porta-voz da Nasa.

 

Veja também:

linkFalha de antena dificulta inspeção do ônibus espacial Discovery  

 

O engate da nave aconteceu no horário previsto, às 3h44 (de Brasília), em regime manual, disse à imprensa no Centro de Controle de Voos Espaciais da Rússia o coordenador da Nasa neste país, Serguei Puzanov.

 

Uma vez verificado o hermetismo da união da nave com o porto do módulo Harmony, as escotilha de acesso entre a Discovery e a estação se abrirão e os astronautas poderão entrar na plataforma orbital, que a partir desse momento contará com 13 tripulantes.

 

Na véspera, a Nasa descartou que um problema na antena do radar da Discovery, detectado depois do lançamento, fosse impedir hoje o acoplamento da nave.

 

Na Discovery, lançada na segunda-feira passada e comandada por Alan Poindexter, viajam também o piloto Jim Dutton, os especialistas de missão Rick Mastracchio, Clayton Anderson, Stéphanie Wilson, Doroty Metcalf-Lindenburger e Naoko Yamazaki.

 

Esta será a primeira vez na história da plataforma que quatro mulheres ficam ao mesmo tempo na estação espacial, já que as três tripulantes da Discovery se juntam a sua colega da Nasa Tracy Caldwell Dyson, que chegou a bordo da Soyuz "TMA-18".

 

Apenas em duas ocasiões anteriores, em 1991 e em 1999, três mulheres coincidiram no espaço.

 

Atualmente, a ISS está tripulada pelo russo Oleg Kotov, comandante do laboratório orbital, o japonês Soichi Noguchi, engenheiro de bordo, e o astronauta da Nasa Timothy Creamer, que chegaram à ISS no final de dezembro.

 

A eles se uniram no domingo passado a astronauta americana Caldwell Dyson e os russos Aleksandr Skvortsov e Mikhail Kornienko, que viajaram para bordo da "Soyuz TMA-18".

 

O retorno da Discovery ao Centro Espacial Kennedy, na Flórida, está previsto para as 9h29 (de Brasília), do domingo, 18 de abril.

Mais conteúdo sobre:
CIENCIA DISCOVERY CHEGA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.