Ônibus espacial registra imagens nunca vistas

Os cientistas israelenses encarregados de observar tempestades de areia graças a imagens emitidas a bordo do ônibus espacial Columbia disseram nesta terça-feira que ainda não encontraram tal fenômeno, mas conseguiram captar uma cena nunca antes vista sobre um meteoro luminoso.Câmeras do Columbia captaram um ?elfo?, fenômeno elétrico que emite um espectro vermelho, ocorrido em torno de uma descarga elétrica em menos de um milésimo de segundo, disse Yoav Yair, especialista em atmosfera da Universidade de Israel, em Tel-Aviv.São as primeiras imagens jamais captadas de um ?elfo? a partir do espaço e foram feitas por acaso, assinalou o cientista. O astronauta David Brown cobria seu turno da meia-noite, domingo, a bordo do Columbia, quando apontou as câmeras para o Pacífico Sul, onde detectou uma tempestade.Brown não tinha idéia, então, que acabava de fotografar algo muito especial. Quando as imagens foram transmitidas a Yair e outros cientistas em Terra, foi constatada a importância do flagrante. ?Foi uma grande emoção?, disse Yair no centro de controle da Nasa na cidade de Greenbelt, estado de Maryland. ?Captamos o fenômeno quase na primeira tomada, foi assombroso."As imagens de outros fenômenos elétricos na atmosfera foram transmitidas nesta terça para os astronautas, que ainda buscam conseguir fotos das tempestades de areia. Entre os tripulantes do Columbia está o primeiro israelense a viajar para o espaço, Ilan Ramon.Também nesta terça, Ramon recebeu um telefonema do primeiro ministro de Israel, Ariel Sharon, que o felicitou pela missão e convidou toda a tripulação a visitar Jerusalém logo após o retorno. O astronauta tinha nas mãos um Torá no momento em que conversava com Sharon.

Agencia Estado,

21 de janeiro de 2003 | 23h10

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.