Ossos do primeiro tiranossauro rex descoberto são leiloados

Uma coleção de ossos fossilizados do tiranossauro rex, acredita-se que o primeiro a ser descoberto, atingiu US$ 93.250 em um leilão domingo, muito abaixo do que esperavam seus organizadores ? calculava-se que o esqueleto parcial do mais feroz dos grandes répteis, apelidado de Barnum, valia entre US$ 400.000 e US$ 900.000.O maior lance, no entanto, foi de um consórcio de investidores de Dakota do Sul, disse hoje Levi Morgan, porta-voz da casa de leilões Bonhams & Butterfields.Segundo ele, o lote de ossos, leiloado por causa de uma sentença jurídica em uma disputa de propriedade, foi vendido sem reserva ou preço mínimo.?Os lances não foram tão competitivos quanto pensávamos?, explicou. ?Os interessado não queriam gastar mais do que o fizeram.?O primeiro tiranossauro foi descoberto no leste de Wyoming, em 1900, pelo caçador de dinossauros Barnum Brown. Nessa época, apenas 13% do esqueleto foi recuperado. Essas peças são propriedade do Museu Britânico de Londres.Exames feitos nos ossos leiloados, que ser acredita corresponderem a 20% do animal, confirmam que combinam com os de Londres, diz Thomas Lindgren, diretor da seção de história natural da casa de leilões. As peças, descobertas em 1995 na mesma área do achado original de Brown, incluem dentes e pedaços dos braços e das patas da dinossauro.A oferta do esqueleto parcial marca a segunda vez que um tiranossauro rex vai a leilão público, de acordo com a Bonhams & Butterfields. Em 1997, o Museu Field de Chicago pagou U$8,3 milhões pelo esqueleto quase completo de Sue, uma tiranossauro encontrada em Dakota do Sul.

Agencia Estado,

17 de maio de 2004 | 14h27

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.