Reuters
Reuters

Papa Bento XVI proclamará seis novos santos em outubro

Entre os religiosos a serem canonizados está a primeira santa australiana, Mary Helen MacKillop

ANSA,

19 Fevereiro 2010 | 10h50

O papa Bento XVI canonizará seis beatos no próximo dia 17 de outubro, segundo anúncio feito durante o Consistório ordinário público, reunião de cardeais presidida pelo Pontífice, realizado nesta sexta-feira, 19.

 

Veja também:

linkPapa nega que roubar e mentir sejam da natureza humana

linkPapa pede 'renovação espiritual' dos fiéis durante a quaresma 

 

Entre os religiosos estará a primeira santa australiana, Mary Helen MacKillop, fundadora da Congregação das Irmãs de São José do Sagrado Coração. Ela foi beatificada por João Paulo II em 1995, durante sua visita ao país da Oceania.

 

As outras cinco canonizações incluem as de duas italianas: a idealizadora da Congregação das Irmãs Catequistas do Sagrado Coração, Giulia Salzano; e Camilla Battista Varano, religiosa da Ordem de Santa Clara.

 

Também serão santificados o sacerdote polonês Stanislaw Soltys, dos Cônegos Regulares Lateraneses; o religioso canadense Alfred Bessette, da Congregação da Santa Cruz; e a criadora da Congregação das Filhas de Jesus, a espanhola Cândida Maria de Jesus Cipitria y Barriola.

 

A cerimônia ocorrerá no Vaticano, em paralelo à Assembleia Especial para o Oriente Médio do Sínodo dos Bispos, marcada para os dias 10 a 24 de outubro deste ano.

 

João Paulo II

 

Havia rumores de que na mesma data também seria santificado João Paulo II, cujo processo de canonização tramita na Santa Sé. A solenidade ocorreria, desta forma, no aniversário da eleição do polonês como pontífice, em 16 de outubro de 1978.

 

As canonizações já haviam sido anunciadas anteriormente, mas a votação do Consistório ordinário público desta sexta-feira serviu para que os cardeais aprovassem a iniciativa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.