Papa mobiliza caridades do mundo católico para Haiti

O Papa Bento 16 deu ordens nesta quarta-feira para que toda a extensa rede de caridade da Igreja Católica se mobilize imediatamente para ajudar as vítimas do terremoto devastador que atingiu o Haiti.

REUTERS

13 Janeiro 2010 | 10h29

Em audiência semanal, o papa também fez um apelo à comunidade internacional e indivíduos para que sejam rápidos e generosos ao dar assistência.

"A Igreja Católica mobilizará (sua assistência) através de suas instituições de caridade para responder às necessidades urgentes da população", afirmou ele.

Um grande terremoto atingiu a capital do Haiti nesta terça-feira, derrubando prédios e soterrando centenas, possivelmente milhares de pessoas, disseram testemunhas.

A Igreja Católica tem uma das maiores e mais abrangentes redes de caridade do mundo.

"Faço um apelo à generosidade de todos, para que esses nossos irmãos e irmãs que estão vivendo um momento de necessidade e dor recebam nossa solidariedade concreta e assistência efetiva da comunidade internacional", disse ele.

Cerca de 80 por cento da população haitiana de 10 milhões de pessoas é católica e 16 por cento protestante.

Mais conteúdo sobre:
HAITITERREMOTOPAPA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.