Papa pede a líderes da Igreja para resistirem a tentações do diabo

O papa Francisco pediu nesta sexta-feira a líderes da Igreja Católica para nunca cederem ao pessimismo e ao desânimo, e para manterem os olhos na verdadeira missão da Igreja.

Reuters

15 Março 2013 | 08h16

"Que nunca nos entreguemos ao pessimismo, a esta amargura, que o diabo coloca diante de nós todo dia. Que nós não cedamos ao pessimismo e o desânimo", disse o papa a cardeais reunidos na Capela Sistina para cumprimentá-lo.

(Reportagem de Philip Pullella)

Mais conteúdo sobre:
RELIGIAOPAPAMENSAGEMTENTACOES*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.