Papa proclama cinco novos santos

Um deles tem origem havaiana; dois são espanhóis, um é polonês e outra é francesa

Associated Press

11 Outubro 2009 | 07h05

O Papa Bento XVI reconheceu cinco novos santos católicos, incluindo um padre belga que trabalhava com pacientes leprosos em uma ilha havaiana isolada no século XIX.

Peregrinos do Havaí estão entre os fiéis que estão na Basílica de São Peter neste domingo.

Entre os atendidos está a havaiana Audrey Toguchi, que se recuperou de um câncer de forma milagrosa, segundo o Vaticano.

Ela tem rezado por Jozef De Veuster, mas comumente chamado de padre Damien, que morreu de lepra na ilha de Molokai.

Os outros são dois religiosos espanhóis, um líder da igreja polonesa e uma religiosa francesa.

Mais conteúdo sobre:
santos Papa Bento XVI

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.