Papa vai a Lourdes para os 150 anos das aparições

Ainda não está definida a data, nem se Bento XVI passará por outras cidades francesas

Ansa,

13 de novembro de 2007 | 14h39

A presença de Bento XVI na cidade de Lourdes (França), em ocasião dos 150 anos das supostas aparições de Virgem Maria, é dada como certa, apesar de ainda não se saber a data da viagem, nem se haverá outras etapas no país.   Quem garante é o bispo de Tarbes e Lourdes, monsenhor Jacques Perrier. "Ele me escreveu uma carta no último mês de julho, na qual afirma: 'confio ao senhor a esperança que é minha de poder estar presente em um momento significativo do ano jubilar' ", disse Perrier, durante uma coletiva de imprensa em que apresentou as iniciativas do Vaticano para o júbilo das supostas aparições.   Ao ser questionado sobre a possibilidade de que Bento estendesse a viagem a outras cidades francesas, o bispo respondeu: "Posso dizer o mesmo que para a data, há muitas vozes, mas nada decidido".   O diretor da assessoria de imprensa do Vaticano, padre Federico Lombardi, também não pôde dar uma posição segura. "Acho mais provável que a viagem seja para Lourdes, mas, de qualquer modo, não foi decidido nada".   As celebrações dos 150 anos das aparições na gruta de Lourdes começam no dia 8 de dezembro de 2007 e devem terminar somente no ano seguinte, no dia 8 de dezembro de 2008. O Santuário de Lourdes é, hoje em dia, um dos maiores centros de peregrinação do mundo católico.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.