Para bispos, mulheres são culpadas por abusos sexuais

Arcebispo da República Dominicana afirmou que mulheres provocam homens com roupas decotadas e mini-saias

Ansa,

16 de janeiro de 2009 | 18h13

Bispos latino-americanos que participam do 6º Encontro Mundial das Famílias, realizado na Cidade do México, disseram nesta sexta-feira, 16, que as mulheres são culpadas pelos abusos sexuais que sofrem, pois "provocam os homens" com sua forma de vestir.   Veja também:  Cardeal diz que há 'menos de 1%' de padres católicos pedófilos   O arcebispo de Santo Domingo, capital da República Dominicana, Nicolás de Jesús López, afirmou que roupas decotadas e mini-saias, por exemplo, provocam os homens, e por isso acusou as mulheres de serem culpadas pelos abusos de que são alvo.   Já o bispo de Ciudad Juárez, cidade do norte do México, Renato Ascencio, considerou que a mulher "não deve apenas mudar sua forma de vestir, mas também suas atitudes".   Para o bispo auxiliar de Tegucigalpa, em Honduras, Darwin Rudy Andino, ao se "desvalorizarem", as mulheres permitem que os homens as usem, as tratem "como uma roupa velha".   Iniciado na última quarta-feira, o Encontro das Famílias reúne milhares de religiosos e cidadãos laicos na Cidade do México.   Até o próximo domingo, o evento discutirá, sob o tema "A família formadora dos valores humanos e cristãos", assuntos como o matrimônio entre homossexuais, a eutanásia e a educação laica.

Tudo o que sabemos sobre:
religião

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.