Premier britânico apóia criação de embrião humano-animal

Legisladores britânicos devem votar o assunto nesta semana, em meio a outras propostas sobre embriologia

Associated Press,

18 de maio de 2008 | 16h58

O primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, afirma que apóia um projeto de lei que permitirá a criação de embriões híbridos de animais e seres humanos. Os embriões são criados inserindo-se material genético humano num óvulo animal vazio. Cientistas dizem que esse embriões poderão ser uma fonte importante de células-tronco.   Entenda o uso das células-tronco   Mas a tecnologia preocupa algumas pessoas, que acreditam que ela poderá levar à manipulação genética de seres humanos. Em artigo no jornal The Observer, Brown diz que "pesquisadores de células-tronco merecem nosso apoio".   Legisladores britânicos devem votar o assunto nesta semana, como parte de uma série de propostas envolvendo aborto, embriologia e triagem genética. O Reino Unido realiza a maior reforma de sua legislação sobre embriologia em duas décadas.

Tudo o que sabemos sobre:
embriãocélulas-troncogordon brown

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.