Roche vai permitir que outras companhias produzam Tamiflu

A Roche Holding AG vai permitir que outras empresas fabriquem o Tamiflu, medicamento antiviral que tem apresentado bons resultados no combate a gripes fortes em geral e que poderia ser eficaz no combater à gripe aviária, disseram dois senadores norte-americanos. O acordo foi anunciado durante entrevista no Congresso dos Estados Unidos.O senador democrata Chuck Schumer vinha pressionando a companhia farmacêutica suíça a permitir que outras empresas fabriquem o Tamiflu - que foi desenvolvido para tratar do vírus da gripe (influenza), mas que os especialistas acreditam que também pode tratar a gripe aviária em humanos.A Roche concordou em conceder sublicenças para produção do Tamiflu para qualquer companhia que possa produzir o medicamento em quantidades grandes o suficiente para ajudar a atender a demanda antecipada no caso de uma pandemia de gripe aviária.A companhia suíça não irá abrir mão da patente do Tamiflu e poderá negociar termos "eqüitativos" como parte de qualquer acordo com outras empresas, disseram os senadores.O senador Schumer irá se reunir com representantes das companhias Teva Pharmaceuticals Industries Ltd, Barr Laboratories - uma subsidiária da Barr Pharmaceuticals Inc -, Mylan Laboratories Inc e Rambaxy Laboratories Ltd, que já informaram que poderão produzir rapidamente uma versão genérica do Tamiflu. A Food and Drug Administration (FDA) ainda tem de aprovar qualquer produção da droga por essas empresas.

Agencia Estado,

20 de outubro de 2005 | 20h38

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.