Rússia fará pelo menos 22 lançamentos espaciais em 2008

A maior parte do programatem como objetivo manter o funcionamento da Estação Espacial Internacional

EFE,

04 de janeiro de 2008 | 13h37

A Rússia realizará em 2008 pelo menos 22 lançamentos espaciais, entre eles de duas naves tripuladas Soyuz-TMA, informou a agência espacial russa Roscosmos.   A maior parte do programa de lançamentos da Roscosmos tem como objetivo garantir o funcionamento da Estação Espacial Internacional (ISS).      Durante este ano, além das duas Soyuz-TMA, serão enviadas à ISS cinco naves de carga Progress com água, alimentos, combustível e equipamentos científicos.      Segundo o site da Roscosmos, também serão colocados em órbita três satélites de comunicação Express, seis satélites para o sistema de posicionamento russo Glonass (análogo ao GPS americano), dois satélites meteorológicos e dois aparelhos para o sistema de localização e salvamento Cospas-Sarsat.      Os planos da Roscosmos para este ano incluem o começo dos trabalhos preparatórios para a construção da nova base Vostochny, que ficará no extremo leste do país.

Tudo o que sabemos sobre:
roscosmossoyuziss

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.