Santos ganha um Instituto Oceanográfico

A Baixada Santista ganhará um centro de pesquisas em questões ligadas aos ecossistemas aquáticos, marinhos, litorâneos e insulares. Ligado ao Centro Universitário Monte Serrat (Unimonte), em Santos, o Instituto Oceanográfico de Santos (IOS) será inaugurado nesta quinta-feira, com uma exposição de náutico-modelismo, sobre a História da Navegação, e funcionará no novo Campus Ponta da Praia da universidade, para onde estão sendo transferidos os cursos de oceanografia e biologia marinha, ligados à Faculdade de Ciências Ambientais.Segundo a diretora do Instituto, Silvia Maria Sartor, o centro deverá estabelecer parcerias com empresas, órgãos públicos e organizações não-governamentais, que necessitam de soluções para questões ambientais, ?de uma forma economicamente mais viável, por estarmos ligados à uma universidade?, diz. O IOS dispõe de duas embarcações para a pesquisas: uma catraia, que realiza saídas junto aos manguezais e encostas, e um trawlleer de 47 pés, com um dos mais bem estruturados laboratórios flutuantes do litoral brasileiro, para navegação oceânica.Mesmo antes da inauguração oficial, o Instituto já desenvolvia pesquisas e consultorias, como o Projeto Petrobrás, no qual foi feito um mapeamento da sensibilidade do litoral paulista em relação a possíveis derramamentos de petróleo. Outra ação desenvolvida é o Projeto Balneabilidade, que vem estudando novos critérios para avaliação da balneabilidade das praias santistas.A exposição História da Navegação estará aberta à visitação a partir de amanhã, das 9 às 18 horas, na avenida Saldanha da Gama, 89.

Agencia Estado,

10 de abril de 2003 | 11h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.